Google– ou –

PL 392-2015

Estabelecerá uma tolerância de 30% sobre o limite de velocidade registrado pelos radares nas vias expressas.

Este projeto de lei estabelecerá uma tolerância de 30% sobre o limite de velocidade registrado pelos radares  nas vias expressas.

Nas vias marginais laterais, a tolerância será de 25%, e nas principais avenidas da capital que dão acesso ao centro, marginais, rodovias e aos municípios vizinhos, será de 20%. 

As empresas que operam os radares, em conjunto com o IMETRO deverão adaptar os aparelhos seguindo esta regra.

As multas aplicadas sem levar em consideração a tolerância serão anuladas.

O motorista que receber uma multa sem a tolerância poderá entrar com recurso para anular a penalidade e os pontos na carteira.

Os radares deverão passar por inspeção a cada 12 meses.

Segundo o vereador, o objetivo deste projeto é evitar os excessivos números de multas enviadas aos proprietários de veículos. A tolerância prevista nesta lei dará mais segurança nas multas aplicadas, porque o infrator ciente do limite de velocidade, não apresentará recurso.


Crédito da foto: Nilton Fukuda/AE


Votos dos cidadãos

BR — 428 votos, 271 sim, 157 não
SP— 6 votos, 5 sim, 1 não

Filtrar gráficos

MasculinoFeminino

Classificação do cidadão para este projeto

25 classificações
20%
4%
4%
0%
4%
68%

13 comentários

786072594905001

Filipe Melo

COMO O PRÓPRIO NOME DIZ: VIA EXPRESSA !!

1601628800129544

Wesley Caique II

tem que multar mais

100003080388833

Carlos Henrique

Deixem de ser burros 30% é quase nada de velocidade mas acho que 20% estaria otimo

1565471703

Alice Lopes

Evitar o excesso de multas? E o excesso de "acidentes"? Vidas não valem mais nada?!

1217342768358212

Nelson Monteiro

Precisa de rigor e disciplina.

100002646825333

João Lira

Se for assim que voltem aos limites de antes.

100000136906478

Amauri Oliveira

mas é sabido que quem legisla sobre tal é o Denatran e não no âmbito municipal

1027342677302437

Jose Pacheco de Oliveira

Ou voltam os limites anteriores ou aumenta-se a tolerância. Os atuais limites tem o ÚNICO e EXCLUSIVO objetivo de ARRECADAR nas costas dos cidadãos. VERGONHOSO. Experimente dirgir as 3 da manhã pela cidade, é absolutamente ridículo. Aumentou a tensão dos motoristas no trânsito e reduz o tempo que temos para outras atividades. Esse tempo é PERDIDO dentro de um carro tentando nos deslocar.

10154389137516563

Daniel Santos

"Segundo o vereador, o objetivo deste projeto é evitar os excessivos números de multas enviadas aos proprietários de veículos" - Pra evitar o excesso de multa é só respeitar os limites. Já há uma tolerância de 20% a 25% para evitar erros de medição dos aparelhos. É mais do que suficiente.

Square user masculino 418e2740fbf94a752b1882289354031b2dca271aa357d27789dd68e5c9a344c0

Danilo Silva

Precisamos extinguir esse "Jeitinho brasileiro" que faz com que as pessoas burlem o sistema.

Square user masculino 418e2740fbf94a752b1882289354031b2dca271aa357d27789dd68e5c9a344c0

Flavio Vasconcelos

Por causa das tolerâncias é que os motoristas brincam nas estradas.

672629560

Leandro Honório

Faltou informar quem propôs isso.

1688881611332503

Cesar Motta

Isso cheira a maracutaia para acabar com multas.
Tolerância ZERO!!!!!!!!