Google– ou –

PL 123-2015

Obrigará a Prefeitura a instalar brinquedos adaptados para crianças com necessidades especiais em praças, parques e jardins.

Este projeto de lei obrigará a Prefeitura a instalar, no mínimo, 01 brinquedo destinado às crianças portadoras de doenças mentais ou deficiência física com mobilidade reduzida em todas as praças, parques e jardins existentes na Cidade de São Paulo ou que venham a ser criados ou restaurados e possuam ou venham a possuir brinquedos.

Os brinquedos especiais deverão ser criados por profissionais capacitados, para garantir a acessibilidade e segurança das crianças com deficiências.

O vereador explica que este projeto de lei tem o objetivo de oferecer condições favoráveis de acessibilidade, com segurança, para as crianças com necessidades especiais. Além disso, esta proposta tem caráter educativo e de conscientização vez que, quando crianças normais interagirem com aquelas que apresentam deficiências, ao dividir os mesmos espaços públicos que essas, poderão conhecê-las nas mais variadas carências e terão a oportunidade de coexistir com as mesmas, criando-se assim adultos ajustados ao bom relacionamento humano, independente da condição de cada um.

Votos dos cidadãos

BR — 1.657 votos, 1.437 sim, 220 não
SP— 4 votos, 3 sim, 1 não

Filtrar gráficos

MasculinoFeminino

Classificação do cidadão para este projeto

42 classificações
52%
29%
0%
10%
2%
7%

17 comentários

Square user masculino 418e2740fbf94a752b1882289354031b2dca271aa357d27789dd68e5c9a344c0

Fernando Ricci Rezende

Os tipos de deficiências são tão variados que dificilmente seria viável criar brinquedos que atendessem à todas elas. Ainda mais colocando como obrigação que esse tipo de brinquedo exista em toda praça, jardim ou parque. Seria um gasto elevado e os brinquedos seriam sub-utilizados. Muito mais lógico criar áreas em um ou mais parques em alguns pontos da cidade, com um conjunto mais alargado de brinquedos, especificamente para atender à esse público.

Square user masculino 418e2740fbf94a752b1882289354031b2dca271aa357d27789dd68e5c9a344c0

A. Roseno

Ótimo, deficientes também são cidadãos.

741043146033413

Rebeca Molon

Sim pois e muito ruim nao ter nada em bossa cidade

741043146033413

Rebeca Molon

Sim

Square user masculino 418e2740fbf94a752b1882289354031b2dca271aa357d27789dd68e5c9a344c0

Artur Alvim CurySim

Relevante e importante por que as praças públicas devem serem lugares agradáveis e de socialização entre as pessoas!!! combater esse egoísmo e individualismo instalado em nossa sociedade pelo fortalecimento e cuidado de nossas praças públicas já!!!

1026041410742288

Marinho de Freitas

NÂO ! Hoje praças seervem para juntar vagabundos travestidos de "menores" ,drogados e tudo masis , depois ainda vem a manutenção porque eles destroem tudo e depois ainda querem que reformem para que volte,m a destruir novamente, dinheiro publico jogado fora!!!

897249926990217

Andrea Patino

Obrigatoriedade?

Square user masculino 418e2740fbf94a752b1882289354031b2dca271aa357d27789dd68e5c9a344c0

Victoria Regia Oliveira

Necessário: sim, mas o povo não tem educação, não preservam nada, destroem e ainda vendem as peças.

10208401693707696

Rouben Bournoukians

Extremamente importante.

10208401693707696

Rouben Bournoukians

Urgente

100000136906478

Amauri Oliveira

importante também contar com vigilância da guarda metropolitana para preservar o patrimônio, caso contrario, será investimento a fundo perdido pois estarão logo-logo depredados

911338828913948

Das Dores Eugênio

Sim pois,todos tem o direito ao lazer

10154446903699762

Sheila Claro

Extremamente importante. Quantas criancas cadeirantes ficam loucas para usar o balanço e não podem. Se ao menos nos principais parques colocarem o balanco adaptado, será um avanço muito grande e as criancas ficarão muito felizes.

100000525733367

Franklin Roosevelt Palácio Jardim

será um meio de atrair as mesmas para as escolas

Essa

Adriano Rocha

O governo deve governar para todos, se vai colocar 10 brinquedos pelo menos 1 pode ser adaptado sem aumentar muito os custos. Se for pelo seu raciocínio (Claudio) então deixamos de lado os deficientes, os doentes (afinal menos de 50% da população precisa de médico nesse momento), etc...

1066821423331061

Claudio Agostinho

O Estado deve governar para a maioria.

10201093414653395

Leuzza Rodrigues

Eu pensei que já era obrigatório